Blog do LeoBlogsConteúdo

Dakar 2018: Peterhansel aumenta liderança nos carros e Varela reassume a liderança nos UTVs

Stephane Peterhansel foi o mais rápido nos carros no quinto dia do Rali Dakar de 2018, e viu seu companheiro da Peugeot, Sebastien Loeb, abandonar o evento. Nove vezes campeão do WRC foi o primeiro a largar na especial de hoje após conquistar sua 10ª vitória no Dakar ontem. Porém, ele foi obrigado a parar com apenas 5 km de 266 km concluídos na especial entre San Juan de Marcona e Arequipa, depois de meia hora parado por motivos técnicos, ele conseguiu voltar. No entanto, logo após isso, seu veículo ficou preso em uma duna e ele perdeu mais duas horas esperando por assistência. Loeb foi ajudado por um caminhão e continuou, mas com seu navegador Daniel Elena com dores após sofrer uma lesão no cóccix, a dupla foi forçada a abandonar.

Sebastien Loeb abandona o evento – Foto: A.S.O.

Com a lenda do WRC fora, seus companheiros de equipe da Peugeot, Peterhansel e Carlos Sainz, ficaram com o duelo mano a mano na classificação, e o francês conseguiu a vitória. O “Mister Dakar”, 13 vezes campeão do rali, bateu seu rival mais próximo – Bernhard Ten Brinke da Toyota – por quase cinco minutos.

Após ficar preso nas dunas no início, Carlos Sainz agora está mais de meia hora atrás de Paterhansel na classificação geral, o experiente piloto espanhol acredita que a organização do Dakar tenha dificultado demais o percurso do rali neste ano. Após três dias de competição, até mesmo favoritos à conquista do rali já deram adeus à disputa, como os pilotos da Mini Bryce Menzies e Nani Roma, ambos vítimas de acidentes. Enquanto isso, o vencedor das motos no último ano, Sam Sunderland, além do atual campeão nos quads, Sergei Kariakin, também abandonaram devido à acidentes. “O estágio foi muito difícil, o mais difícil até o momento. É uma mistura de dunas muito complicadas, macias, muito quebradas e com quedas. Existem áreas de pedras também. O começo foi extremamente difícil. Penso que para os amadores deva ter sido demais, porque hoje eu não sei quantos carros vão terminar.” – destacou Sainz.

O Ex-técnico do Chelsea, André Villas-Boas, não conseguiu completar um dos estágios mais exigentes do Dakar, o português, que tinha como co-piloto o seu compatriota Ruben Faria, o segundo colocado no Dakar em 2013 nas motos, ficou no quilômetro 165 e foi levado para o acampamento com dores nas costas, localizado no município peruano de San Juan de Marcona, ponto de saída e da chegada do estágio.

Reinaldo Varela – Foto: A.S.O.

Nos UTVs, deu Brasil pela segunda vez no Dakar 2018. Reinaldo Varela , que conta com a navegação de Gustavo Gugelmin, conquistou a segunda vitória dentro do maior rali do mundo. Os dois que já haviam vencido no domingo, desta vez, o triunfo foi conquistado no 5º estágio, o nono melhor tempo considerando todos os carros – terminando os trabalhos desta quarta-feira a 15min37s de JC Uribe Ramos, que venceu o terceiro estágio na segunda-feira. O espanhol Jose Luis Peña foi o terceiro colocado. Com os resultados de hoje, o brasileiro assume a liderança no Dakar, já que contou com problemas de Patrice Garrouste. Varela agora está 3min08s à frente de Uribe Ramos. O também peruano, Anibal Aliaga, é o terceiro, com 2h20min44s atrás do Can-Am brasileiro.

Todos voltam nesta quinta-feira, quando o rali sairá do Peru, de Arequipa à La Paz, na Bolívia.

Leandro

Fundador e Sócio Proprietário do Guia Off-Road, Analista de Sistemas, Apresentador, Editor e bloqueiro no portal Guia Off-Road. Atualmente sou estudante de Fisioterapia na UFRN em Santa Cruz-RN. Sou amante e admirador do offroad, onde procuro contribuir com o crescimento deste esporte tão fascinante, através do nosso trabalho contínuo a frente do Guia Off-Road.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Close
Close