Blog do LeoBlogsConteúdo

Sunderland reassume a liderança e Casale mantem a ponta após a 3ª Etapa do Dakar 2018

O britânico San Sunderland (KTM 450 Rally) foi o venceu a 3ª etapa do Rally Dakar 2018 na categoria Motos, disputada nesta segunda-feira, dia 08 de janeiro. Com o resultado, o campeão de 2017 retomou a liderança da prova.

Neste terceiro dia seguido de dunas e muita areia, o trecho cronometrado de 295 quilômetros foi disputado quase totalmente fora da pista. Foi responsabilidade do espanhol Joan Barreda (Honda CRF450 Rally), que liderava o rally após vencer a 2ª etapa, fazer o traçado inicial, sem as marcas dos carros que excepcionalmente partiram na frente no dia anterior. Com 20 vitórias em etapas, Barreda já tinha bastante experiência para pilotar nesta condição, mas logo nos primeiros quilômetros o espanhol cometeu alguns erros de navegação e acabou levando com ele o francês Adrien Van Beveren (Yamaha WR450F Rally) e austríaco Matthias Walkner (KTM 450 Rally), segundo e terceiro colocados até a largada da 3ª especial. Os três perderam muito tempo. Walkner completou o trecho na 12ª colocação, despencando para 6ª posição na classificação acumulada após três etapas. Van Beveren foi o 18º colocado na etapa, caindo para a 7ª posição na acumulada. Barreda teve o maior prejuízo. Seu dia foi ficando cada vez pior, ele perdeu um waypoint de passagem obrigatória e teve de fazer meia volta, retornando mais de 15 quilômetros para não ser penalizado. O espanhol completou a etapa na 30ª colocação, perdeu mais de 28 minutos e da liderança foi para a 15ª posição na acumulada.

Sunderland foi o sétimo a largar e aproveitou a oportunidade, decidido a recuperar o tempo perdido, impôs um ritmo forte desde o início, conseguindo atingir seu objetivo do dia, reassumir a ponta da prova.

Seu companheiro de equipe e vencedor da edição de 2016, o australiano Toby Price, que passou o ano se recuperando de uma fratura no fêmur sofrida no Dakar 2017, mostrou que está recuperado e utilizou os dois diais iniciais para retomar a confiança. Ele voltou ao ataque, disputou a ponta da etapa com Sunderland e terminou o dia com o 3º melhor tempo, subindo para a 4ª colocação na acumulada.

O argentino Kevin Benavides (Honda CRF450 Rally) também provou que está recuperado da lesão sofrida em 2017. Após a 5ª colocação no dia anterior, subiu de produção e fechou o dia com o 2º melhor tempo, assumindo a vice-liderança do rally na classificação acumulada.

241 Yamaha: Ignacio Casale – Foto: Red Bull Content Pool.

O chileno Pablo Quintanilla, terceiro na etapa anterior, manteve a regularidade de bons resultados. Ele chegou a disputar a vitória do dia com Sunderland, mas perdeu tempo nos últimos 80 quilômetros, conquistando a 5ª colocação no trecho cronometrado. A consistência lhe rendeu a subida para a 3ª posição na classificação acumulada.

Nos quadriciclos o chileno Ignacio Casale (Yamaha Raptor 700), vencedor da categoria em 2014, parece querer decidir a prova logo na primeira semana. Ele conquistou a terceira vitória seguida, mas desta vez abriu uma enorme vantagem na classificação acumulada, quase 30 minutos sobre o russo Sergei Kariakin (Yamaha Raptor 700), o defensor do título de 2017.

O brasileiro Marcelo Medeiros (Yamaha Raptor 700) vem se recuperando e foi o 4º colocado na etapa. Por apenas sete segundos não subiu no pódio do dia. Com o resultado ele é o 21º colocado na classificação acumulada.

Classificação Motos da 3ª etapa (extraoficial):

1 – San Sunderland (KTM 450 Rally): 03:20:43

2 – Kevin Benavides (Honda CRF450 Rally): + 00:03:03

3 – Toby Price (KTM 450 Rally): + 00:03:28

4 – Rick Brabec (Honda CRF450 Rally): + 00:03:55

5 – Pablo Quintanilla (Husqvarna FR 450 Rally): + 00:04:20

Classificação Quadriciclos da 3ª etapa (extraoficial):

1 – Ignacio Casale (Yamaha Raptor 700): 03:58:08

2 – Alexis Hernadez (Yamaha Raptor 700): + 00:08:55

3 – Pablo Copetti (Yamaha Raptor 700): + 00:14:52

4 – Marcelo Medeiros (Yamaha Raptor 700): + 00:14:59

Classificação Motos após três etapas (extraoficial):

1 – San Sunderland (KTM 450 Rally): 06:44:23

2 – Kevin Benavides (Honda CRF450 Rally): + 00:04:38

3 – Pablo Quintanilla (Husqvarna FR 450 Rally): + 00:05:00

4 – Toby Price (KTM 450 Rally): + 00:07:28

5 – Rick Brabec (Honda CRF450 Rally): + 00:08:00

Classificação Quadriciclos após três etapas (extraoficial):

1 – Ignacio Casale (Yamaha Raptor 700): 08:03:23

2 – Sergei Kariakin (Yamaha Raptor 700): + 00:26:13

3 – Pablo Copetti (Yamaha Raptor 700): + 00:26:43

21 – Marcelo Medeiros (Yamaha Raptor 700): + 02:46:05

Nesta terça-feira, dia 09/01, será disputada a 4ª etapa do Rally Dakar 2018. Partindo e voltando a San Juan de Marcona. O percurso será em laço, com 444 quilômetros, sendo que o trecho contra o relógio terá 330 quilômetros.

Leandro

Fundador e Sócio Proprietário do Guia Off-Road, Analista de Sistemas, Apresentador, Editor e bloqueiro no portal Guia Off-Road. Atualmente sou estudante de Fisioterapia na UFRN em Santa Cruz-RN. Sou amante e admirador do offroad, onde procuro contribuir com o crescimento deste esporte tão fascinante, através do nosso trabalho contínuo a frente do Guia Off-Road.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Close
Close