Blog do LeoBlogs

Mitsubishi Cup faz etapa emocionante em Jaguariúna (SP) com muitas mudanças de piso

Poeira, terra batida, canavial, lama, areia. A Mitsubishi Cup teve todos os ingredientes que as duplas mais gostam na segunda etapa da competição, realizada neste sábado em Jaguariúna (SP).

Amanhã, domingo, as duplas aceleram novamente em duas provas de 50km Crédito: Ricardo Leizer/Mitsubishi.
Amanhã, domingo, as duplas aceleram novamente em duas provas de 50km
Crédito: Ricardo Leizer/Mitsubishi.

“O tipo do piso variou bastante, o que deixou o rali ainda mais cross-country. E tinha trechos rápidos e outros travados. Isso testa o piloto e o navegador, que é o que a gente quer”, ressalta Eduardo Bampi, navegador da categoria ASX RS e que corre na Mitsubishi Cup há 13 anos. “Isso faz de Jaguariúna um lugar tão gostoso de correr.”

Pilotos e navegadores fizeram três provas de 30km cada em estradas da Fazenda Meia Lua, já tradicional no calendário da competição. Do lounge, montado especialmente para que as duplas e seus convidados curtam momentos de descontração, era possível ver trechos da prova, que levantou bastante poeira.

No fim da etapa, depois da premiação, todos puderam aproveitar um churrasco de confraternização e se preparar para a terceira etapa, no domingo. “Diferente de outras categorias, no rali tem essa interação entre as duplas. Você não divide curva, é você contra você e contra o relógio, para ser o mais rápido. A comunidade do rali é unida e isso é muito bacana”, explica Ricardo Feltre, piloto vencedor da categoria ASX RS.

Rodada dupla
Neste fim de semana a Mitsubishi Cup terá uma rodada dupla, com disputas também no domingo. Serão duas provas, de 50km cada, na mesma Fazenda Meia Lua – mas com um novo trajeto. “Amanhã será uma prova nova. Começamos tudo do zero, de novo”, fala André Munhoz, navegador da categoria ASX R. “Eu acho ótimo vir correr sábado e domingo, é um fim de semana perfeito, uma delícia”, completa Eduardo Bampi.

Os campeões da 2ª etapa
Na categoria Pajero TR4 ER, Paulo Theophilo Dias Filho e Marcelo Bortoluz foram os melhores. “Uma alegria! Nós corremos para nos divertir e aceleramos fundo. Meu navegador é excelente, ele fala ‘acredita’ e eu acredito”, conta o piloto. “A prova foi muito rápida, chegamos aos 150km/h”.

Pódio da categoria TR4 ER Crédito: Ricardo Leizer/Mitsubishi.
Pódio da categoria TR4 ER
Crédito: Ricardo Leizer/Mitsubishi.

Já na categoria ASX R, os mais rápidos foram Markus Johannes de Wit e Rodrigo Mello. “Todos os carros estão andando muito próximos, isso dá um incentivo ainda maior. Não aceita erro, você tem que prestar atenção ao detalhe”, explica o navegador. “Pra mim tudo é novo e esse é primeiro pódio. Estamos há várias etapas aprendendo, é uma construção de confiança. Quando você chega e vê que é possível, é espetacular!”, celebra o piloto Markus.

Pódio da categoria ASX R Crédito: Ricardo Leizer/Mitsubishi.
Pódio da categoria ASX R
Crédito: Ricardo Leizer/Mitsubishi.

André Miranda e Alison Pedroso, que venceram a primeira etapa 2016, realizada em Mogi Guaçu, subiram novamente ao lugar mais alto do pódio da categoria Pajero TR4 ER Master. “As referências estavam próximas, o trecho foi de velocidade alta”, conta o navegador. “E o piso mudou bastante, na primeira volta a pista estava limpa e depois a condição piorou”, completa o piloto. A dupla está confiante para a etapa de domingo. “O carro está impecável, vamos aproveitar que estamos aquecidos e manter o mesmo ritmo amanhã”, promete André.

Pódio da categoria TR4 ER Master Crédito: Ricardo Leizer/Mitsubishi.
Pódio da categoria TR4 ER Master
Crédito: Ricardo Leizer/Mitsubishi.

Na nova categoria ASX RS, Ricardo Feltre e Ivo Renato Mayer também venceram pela segunda vez este ano. “Que prova! Foi excelente, extremamente rápida e com todos os tipos de piso. E a gente adora, vive isso aqui. Quando une um carro e um navegador excelente, é a mistura certinha”, comemora Ricardo. “A categoria está bem disputada e isso nos anima. E andar com o Ricardinho é fácil, ele toca muito, fica fácil de navegar”, fala Ivo. Como venceram, eles largam amanhã com restritor de ar no motor. “O restritor atrapalha um pouco, mas a gente força mais as curvas, freia mais em cima. Vamos buscar ganhar de novo”, promete o piloto.

Pódio da categoria ASX RS Crédito: Ricardo Leizer/Mitsubishi.
Pódio da categoria ASX RS
Crédito: Ricardo Leizer/Mitsubishi.

Thiago Wilson Rizzo da Silva e Carlos Eduardo Piacentini subiram ao lugar mais alto do pódio na categoria L200 Triton ER. “É a categoria mais disputada, com maior grid, e os cinco primeiros já estão na briga pelo campeonato. Será uma briga saudável porque somos todos amigos”, garante Thiago. “Tento passar o máximo de confiança para que a gente consiga andar no limite o tempo inteiro”, fala o navegador. “Subir no pódio é indescritível, resultado do nosso trabalho.”

Pódio da categoria L200 Triton ER Crédito: Ricardo Leizer/Mitsubishi.
Pódio da categoria L200 Triton ER
Crédito: Ricardo Leizer/Mitsubishi.

Mais informações no site www.mitsubishimotors.com.br, pelo Facebook.com/MundoMit e pelo Twitter (@nacaomitsubishi).

A Mitsubishi Cup tem patrocínio de Axalta, Itaú, Petrobras, Transzero, Pirelli, STP, Unirios, Clarion e Projeto Sign

Resultados – Mitsubishi Cup 2ª etapa – Jaguariúna (SP)
Pajero TR4 ER
1) Paulo Theophilo Dias Filho / Marcelo Bortoluz – 93 pontos
2) Flavio Saraiva / Sara Volpato – 78 pontos
3) Daltro Marcelo Maronezi / Guilherme de Paula Rezende – 76 pontos
4) Wander Rocha Cortes / Marcelo Mendes – 68 pontos
5) Flavio Donizeti Pereira de Oliveira / Fernando Marcel Toshio Abe – 68 pontos

ASX R
1) Markus Johannes de Wit / Rodrigo Mello – 86 pontos
2) Rafael Aragao Souza Lopes / Damon Alencar – 78 pontos
3) Werner Neugebauer / Kaique Bentivoglio – 78 pontos
4) João Paulo Franco / André Lucas Munhoz – 63 pontos

Pajero TR4 ER Master
1) Andre Miranda / Alison Pedroso – 95 pontos
2) Vitor Jose Muench / Jorge Adriano Peters – 82 pontos
3) Frederico Macedo / Nickolas Macedo – 74 pontos
4) Celso Macedo / Belen Macedo – 68 pontos
5) Marcos Claudemir Chueda / Luiz Afonso Torres Poli – 66 pontos

ASX RS
1) Ricardo Feltre / Ivo Renato Mayer – 88 pontos
2) Cristian Mai Domecg / Breno De Almeida Rezende – 82 pontos
3) Fabricio Bianchini / Caio Santos – 72 pontos
4) Alberto Andreotti Neto Andreotti / Kleber Cincea – 57 pontos
5) Fabio Ruediger / Eduardo Bampi – 50 pontos

L200 Triton ER
1) Thiago Wilson Rizzo Da Silva / Carlos Eduardo Piacentini – 93 pontos
2) Albano Dos Santos Parente Jr / João Gilberto Ferreira – 78 pontos
3) Glauber Fontoura / Minae Miyauti – 78 pontos
4) Luiz Claudio Parente / Glauco Alencastro – 74 pontos
5) Ivan Machado Terni / João Luis Stal – 72 pontos

Mitsubishi Cup – Calendário 2016*
06/08 – 4ª etapa – Autódromo Velo Città – Mogi Guaçu (SP)
08 e 09/10 – 5ª e 6ª etapas – Indaiatuba (SP)
19/11 – 7ª etapa – Autódromo Velo Città – Mogi Guaçu (SP)
* Calendário sujeito a alterações.

Curta a nossa página no www.facebook.com/guiaoffroad

GAMA-2

Leandro

Fundador e Sócio Proprietário do Guia Off-Road, Analista de Sistemas, Apresentador, Editor e bloqueiro no portal Guia Off-Road. Atualmente sou estudante de Fisioterapia na UFRN em Santa Cruz-RN. Sou amante e admirador do offroad, onde procuro contribuir com o crescimento deste esporte tão fascinante, através do nosso trabalho contínuo a frente do Guia Off-Road.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Close
Close